Oportunidade de Investimento no Agronegócio!
Rendimento alvo de 18% ao ano
Fazenda Grande Sertão

Projeto: Fazenda Grande Sertão (Agronegócio)
Rentabilidade alvo: 18% ao ano (64% total)
Prazo: 3 anos
Investimento mínimo: R$ 1.000
Captação alvo: R$ 1.500.000
Abertura: 25/02/21

Status: Encerrada!
COTAS RESERVADAS 100%

Entre ou cadastre-se gratuitamente em menos de 1 minuto para fazer sua pré-reserva:

Junte-se a milhares de investidores e tenha acesso à essa e todas nossas oportunidades a partir de agora.

Está com dinheiro parado ou na poupança?
Faça seu patrimônio render agora mesmo até mais de 5x a poupança

Setor resistente a crises: o Agronegócio foi um dos poucos setores econômicos que cresceram mesmo durante a pandemia. Ideal para se proteger ou diversificar seus investimentos.

Facilidade de investir: invista através de plataforma digital simplificada e investimento mínimo de R$ 1.000.

Confira as condições desta captação

18% ao ano

Rentabilidade alvo

3 anos

Prazo

R$ 1.500.000

Valor alvo da captação

É muito fácil investir pela Vangardi

É tão fácil como comprar um livro pela internet.

1. Cadastre-se

Realize o seu cadastro rápido e gratuito em nossa plataforma.

2. Invista

Escolha a oferta, quanto irá investir (a partir de R$1.000) e assine o seu contrato online.

3. Receba!

Receba na sua conta bancária o seu dinheiro investido somado ao seu rendimento (de forma mensal ou ao final do prazo estabelecido).

Sobre o projeto

O Projeto Grande Sertão surgiu após empreendedores identificarem uma grande oportunidade no agronegócio no Noroeste de Minas através de duas propriedades rurais subutilizadas que poderiam ser unidas e desenvolvidas gerando um empreendimento com enorme valorização.

O financiamento deste projeto será feito com os recursos oriundos desta oferta, capital próprio dos empreendedores e financiamento bancário subsidiado para o setor de Agronegócios.

As propriedades da Fazenda Grande Sertão ficam no Noroeste de Minas, no município de Santa Fé, próximas de Unaí, região referência em plantio de grãos. 

O preço médio da compra da terra da fazenda é de R$ 3.297/ hectare e áreas com as mesmas características da região, porém com desenvolvimento de produção agrícola, chegam a ser comercializadas por mais de 10x esse valor.

Duas matrículas da propriedade, de maior valor por hectare por terem acesso à água, serão utilizadas como garantias reais ao investidor.

Além disto, os próprios empreendedores aportarão recursos ao projeto demonstrando o enorme comprometimento dos mesmos.

O retorno alvo do investimento é de 18% ao ano. O retorno mínimo garantido do investidor é de 10% ao ano e, de acordo com a performance do projeto, o investidor poderá ganhar um bônus equivalente à 10% ao ano chegando a um retorno total de 20% ao ano.

A performance do projeto será avaliada de acordo com a avaliação do empreendimento ao final do prazo de 3 anos. Esse valor será determinado por uma avaliação profissional independente feito por empresas especializadas previamente indicadas no prospecto do investimento ou pelo valor de venda da Fazenda caso haja uma aquisição durante o projeto.

O valor alvo de retorno foi calculado com referência na performance considerada mais provável baseando-se em avaliações do valor de propriedades similares da região (veja mais detalhes no nosso prospecto).

Como será calculado o retorno? O retorno será calculado de acordo com a valorização do projeto. Ao final de 3 anos serão contratadas 3 empresas de renome em avaliações de negócios e será utilizado o valor médio dos laudos como referência. Caso a fazenda seja vendida antes de 36 meses, será utilizado seu valor de venda.

O retorno do investidor será de acordo com a tabela de performance abaixo de acordo com a valorização da Fazenda:

O investidor poderá ter seu retorno feito de 3 formas à sua escolha: pagamentos de (1) juros mensais ou (2) juros anuais (com principal + variável de performance ao final) e (3) pagamento todo ao final do prazo de 3 anos. Recomendamos a última opção pois o investidor ganha juros sobre juros, aumentando seu retorno total

ETAPAS DO PROJETO:

(Julho/2020 – Janeiro/2021)

Pesquisas e análises de mercado, acordos e contratos, orçamentos e formação de equipe do projeto.


(Fevereiro/2021 – Março/2021) atual fase do projeto

Rodada de captação de investimentos coletivos pela plataforma da Vangardi.


(Março/2021 – Novembro/2021)

Divisão das propriedades em terrenos menores (glebas) para viabilização de financiamentos bancários de juros baixos destinados ao agronegócio. O sócio do projeto, Vinicius Araújo, que viabilizou mais de R$250 milhões em 2020 para projetos similares, será responsável por esses processos. O dinheiro será usado para compra de sementes, máquinas agrícolas, implementação dos pivôs e para dar início ao plantio e colheita das safras. Os recursos serão utilizados para realizar a limpeza e correção do terreno, compra de sementes, gado, maquinário agrícola, dentre outros.


(Novembro/2021 – Maio/2022)

Será dado início ao plantio de soja, milho, feijão e sorgo com o uso da tecnologia de pivôs de irrigação que aumenta substancialmente a produtividade. Simultaneamente começará também a criação de gado na Fazenda Grande Sertão.


(A partir de Maio/2022)

Após o início das primeiras colheitas, o processo de plantio, manutenção e colheita passa a se repetir de forma padronizada seguindo as melhores práticas de agricultura e aproveitamento sustentável do solo. Paralelamente, a pecuária repete seus ciclos de reprodução, crescimento e venda do gado.

Quem são os responsáveis pelo projeto?

André Filizzola

Broenergy

Graduado em Engenharia Civil pela UFMG, possui MBA pela FGV e atuou como engenheiro da Andrade Gutierrez e Odebrecht. Desde 2017 é sócio diretor da Broenergy, empresa especializada em energia solar urbana e rural

Thomas Chianca

BROENERGY

Graduado em engenharia civil pela UFMG, possui especialização em gestão de negócios pela Fundação Dom Cabral e atuou como engenheiro da Vale. Desde 2017 é sócio diretor da Broenergy, empresa especializada em energia solar urbana e rural. É o Diretor Administrativo-Financeiro da Fazenda

André Sousa

ARO

Graduado em Zootecnia pela Universidade Federal de Alfenas, possui mais de 15 anos de experiência em agronegócio, especialista em confinamento, gado de leite e corte, café e equinocultura. Atualmente, é sócio da ARO e administra 3 fazendas que totalizam 3.070 hectares com 600 cabeças de gado e 170 cavalos. É o responsável por conduzir e estruturar o setor de Pecuária da Fazenda

Gerson Grandi

grandi agro

Graduado em Agronomia pela Universidade Federal de Alfenas, possui mais de 20 anos de experiência na produção de soja, milho, feijão, trigo e sorgo, em áreas irrigadas e não irrigadas. Possui, em média, uma área plantada anual de 3.000 hectares considerando todas as safras. Junto com seu irmão Jeferson serão responsáveis pela operação das lavouras da Fazenda

Jeferson Grandi

grandi agro

Engenheiro Agrônomo pela Unifenas, possui mais de 20 anos de experiência na produção de soja, milho, feijão, trigo e sorgo, em áreas irrigadas e não irrigadas. Possui, em média, uma área plantada anual de 3.000 hectares considerando todas as safras. Junto com seu irmão Gerson serão responsáveis pela operação das lavouras da Fazenda

Vinicius Araújo

Plano Assessoria

Graduado em Agronomia na Faculdade de Ciências e Tecnologia de Unaí, sócio-diretor da Plano Assessoria, tendo captado mais de R$ 1 bilhão em financiamentos bancários para o agronegócio. É o responsável pelo levantamento de recursos de financiamento subsidiado para realizar a limpeza e correção do terreno, compra de sementes, gado, maquinário agrícola, dentre outros

Baixe o prospecto detalhado do projeto abaixo


Junte-se a milhares de pessoas investindo de forma inteligente

+R$ 1
Milhões captados
+ 1 mil
Investidores cadastrados
1 %
dos pagamentos
em dia

Algumas de nossas oportunidades concluídas:

Continua com dúvidas? Fale com a gente!